9 transtornos do horário de verão

A primeira segunda-feira do horário de verão traz transtornos à vida de muita gente. Até que os relógios biológicos e psíquicos se ajustem à ficção da hora antecipada, muitos sofrem os prejuízos dessa transição. Quem entra no horário de verão pena com os reajustes, mas talvez quem mora em lugares onde o horário não é adotado sofra ainda mais.

Sim, amigos. No horário de verão, o país é dividido em duas partes: Estados que adotam e Estados que não adotam o horário de verão. E adivinha onde a banda toca?

É quase uma aplicação do determinismo geográfico: quem dita o rumo do país também dita as horas. A turma de cima no mapa brasileiro passa meses convivendo com o duplo horário. Tem o horário local e o horário de Brasília, que é o mesmo dos bancos e da programação da TV – o banco passará a fechar às 15h e a novela que passava às 18h vai começar às  17h.

A turma que propunha um muro depois das eleições de 2014 nem precisava ter ido tão longe ao sugerir a separação do país entre “centro-sul” e “norte-nordeste”. O horário de verão é a vingança de vocês.

Como só nos resta rir nesta segunda-feira de novas horas, o Pandora Livre elaborou uma lista dos inconvenientes suportados de um e de outro lado devido ao jetlag provocado horário de verão:


1. Acordar uma hora mais cedo

tumblr_nesjeg1rDf1r7d78po2_r1_400

Quando o despertador toca, ainda está escuro e o clima geralmente não tem nada a ver com o calor do verão que te ajuda a pular da cama, quando você o sol e o forninho que se torna seu quarto são despertadores naturais. A primeira manhã de dia útil no novo horário costuma ser propositadamente fria, para castigar ainda mais os notívagos que já sofriam para se adaptar ao fuso normal. É o dia do mau-humor matinal coletivo.


2. O “horário de Brasília” e os atrasados do ENEM

Foto: Correio Braziliense.
Foto: Correio Braziliense.

Aqui, a regra se estende para todos os concursos públicos nacionais. “A prova começará às 8h00 do horário de Brasília” é a frase responsável por fechar a porta dos desesperados.


3. Bancos: você sempre chega quando eles já fecharam 

spike-slams-into-door-o

Sabe aquela conta que só podia ser paga “na boca do caixa” e vencia nesta segunda-feira? Provavelmente vai ser paga com multa.


4. Programação da TV: você sempre perde seu programa preferido 

img-633387-nazare-vila-de-senhora-do-destino20140925091411649069

Você chega em casa do trabalho/faculdade/escola e, como de costume, tira os sapatos, o sutiã (aaaahhhh), vai à cozinha catar algum petisco e depois se joga no sofá para ver seu programa de TV favorito. Na tela, porém, só te resta contemplar as letrinhas dos créditos subindo: já acabou!


5. O rodízio de veículos em São Paulo: outubro é o mês das multas 

Um desafio a quem curte fuçar os portais da transparência dos governos: outubro é provavelmente o mês no qual mais se arrecada com as multas de desobediência ao rodízio de veículos na metrópole paulistana. A razão é simples: o relógio do carro é um dos poucos que não costuma se ajustar automaticamente e acaba ficando uma hora para trás, confundindo muitos motoristas que circulam nas áreas restritas em horários de pico.


6. Os horários dos voos

– Moça, esse horário que tá escrito no meu bilhete é o horário de verdade ou o horário de verão?

– Senhora, o embarque para esse voo já está encerrado.


7. Todo mundo está atrasado também

tumblr_n5umn4d7M61r2ocy3o2_250
Brigas no trânsito e disputas mortais por uma vaga no ônibus ou metrô também são mais acirradas nessa época: não é só você que está atrasado.


8. O date perdido

– Te encontro às 18h no café.

– Combinado.

Quarenta minutos de espera depois…

– Desculpa, estou chegando, é que me confund… tu-tu-tu.

E a chance de ouro de pegar aquele/a gatinho/a foi pro espaço.

14


 9. Os mini infartos com relógios errados

surpresa-gif

Não importa quantos relógios você ajustou em casa, no trabalho ou no carro. Vai sempre sobrar um com a hora errada para te confundir para mais ou para menos. Pequenos infartos ao achar que está atrasado/a, do lado de quem está sem horário de verão, ou atrasos reais pra quem está do outro lado e achou que seria pontual, mas contou com o relógio errado e perdeu a hora.


***

Na verdade, nem só de inconvenientes é feito o horário de verão. O lado bom, o grande lado bom, é o dia longo, a possibilidade – para alguns – de chegar em casa e o sol te convidar para o lazer outdoor.

Sim, há muitas vantagens no horário de verão. Talvez mais do que as desvantagens que listamos aqui. Mas na primeira segunda-feira do horário de verão, ainda sob a ressaca da hora perdida, os transtornos costumam chegar antes dos benefícios.

Para acompanhar nossas publicações, curta a página do Pandora Livre no Facebook.

camila-torres

Camila é advogada pública. Especialista em Direito Público, interessa-se por temas referentes à política nacional e internacional e questões socioambientais.

Habitudes

, , ,

Deixe um Comentário

Todos os comentários são de responsabilidade exclusiva dos/as leitores/as. Serão deletadas ofensas pessoais, preconceituosas ou que incitem o ódio e a violência.

Comente usando o Facebook

1 comentário

  1. Nossa! Eh isso mesmo. E pra quem vive tanto do lado de cima, como do lado de baixo, o horário do avião ✈ dá sempre um …”mas num dá pra eu ir no próximo não?” “não senhor, o senhor comprou sua passagem com milhas! “…”@hhhh!” Todo ano…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *